Filosofia S&OP. Por Alexandre Garuti Pinheiro

19/07/2019

S&OP: três letras que podem mudar o futuro da sua empresa, planejamento integrado de vendas e operações, algo que impulsiona, algo que inspira, algo que realiza. Mas como podemos acreditar que três letras podem fazer tanta coisa? Bom, vou explicar.

Um a empresa ou corporação ou companhia que possui o S&OP implementado, pode ter o futuro em suas mãos. Como? De uma maneira simples e complexa, pois o simples para alguns pode ser efetivamente complexo, mas na realidade é mais simples, ou simplesmente falando, mais adequado do que parece.

Vamos lá, muitos entendem que o S&OP é apenas uma metodologia criada nos EUA na década de 80 com o intuito de otimizar a cadeia de abastecimento e mostrar através de indicadores de performance como a previsão em vendas versus o realizado efetivo faturado e produzido podem interferir na realização do orçado. Pois bem, na realidade é isso mesmo, mas importante salientar que sem uma base analítica bem estruturada, tudo isso serão apenas números.

Estes números podem indicar algumas situações: aumento efetivo de estoque para adequação ao plano de vendas, perda efetiva de estoque, acarretando ruptura em faturamento ou simplesmente números que todos os envolvidos apenas passam a olhar, ou seja, área comercial, marketing, produção e logística, visualizam sem ação e buscam no histórico como tratar as possibilidades de ganhos futuros.

O que quero tratar aqui não são somente os números, ou gráficos, mas sim a metodologia que incorpora as áreas cruciais da empresa com o intuito de otimizar a realização de performance com dados específicos para, em pouco tempo, ter a propriedade sobre os indicadores com ação efetiva para melhoria e excelência operacional.

Ter um bom planejamento integrado de vendas, com tratativa dos dados qualitativos e quantitativos interfere diretamente na operação, seja em compras, estoques, armazenagem, expedição e entrega junto ao cliente final.

O mesmo planejamento previamente tratado, com mitigação de riscos de ruptura de abastecimento, sequenciamento adequado em produção e otimização dos estoques de insumos e produtos acabados, trás uma melhor visibilidade para a companhia do que temos, o que podemos, o que fomos e o que queremos investir para um crescimento sustentável.

Pode parecer utópico, mas a funcionalidade de um bom planejamento integrado de vendas e operações acarreta em melhor performance em vendas, melhor adequação dos estoques, melhor funcionalidade de expedição, incrível assertividade em compras e, por fim, ganhos financeiros para toda e qualquer empresa.

Posso dizer por experiência própria, pois trabalhei com S&OP em vários seguimentos, alimentício, adesivos, cosméticos, farmacêutico, enfim, qualquer um adequa-se ao S&OP e vice-versa.

S&OP é planejamento, é execução, é tático, é estratégico, é funcional, é operacional. Engraçado como três letras podem tratar tantas coisas ao mesmo tempo, pois se a área de vendas é a alma do negócio juntamente com marketing, o coração de toda corporação é o S&OP.

Planejar, enxergar o futuro, mitigar riscos, otimizar sua produção e mensurar com dados empíricos todos estes dados, mostrar maturidade de processos internos e credibilidade junto aos clientes com disciplina e excelência operacional, bem como visibilidade para melhoria continua.

Ter S&OP implementado em sua empresa não é somente uma área de farol para os dados e números específicos, mas sim uma filosofia que rege de onde estamos e para onde queremos ir, porém sem vislumbre, mas com os pés no chão e números tratados previamente para engajamento entre as áreas que precisam de sinergia e requerer um ganho real e sustentável financeira e operacionalmente.

Planeje, anteveja, mensure, reduza riscos e por fim, reaja, cresça e lucre!

S&OP: Planejamento Integrado de Vendas e Operações, três letras que revolucionam, que integram, que podem e devem ser o maestro de sua orquestra.